Opressão (a pressão) de Natal

Eu tenho uma relação esquisita com o Natal.

Não, não fico triste, mas também não fico lá essas coisas, não como a maioria do povo fica.

Tipos agora em Novembro tô até no pique, mas lá pelo meio de Dezembro eu já enjoei total, saca? Primeiro que ninguém mais fala em nascimento de Jesus, e eu nem vou começar o papo de que é uma data totalmente comercial porque já tá batido e isso não vai mais mudar.

Aqui em casa rolam os presentes mais básicos do mundo, ou nem rolam, ano passado teve até um faith com o sogro que teimou e deu um Mcqueem que fala pro Enzolino. Fiquei puta da cara. Primeiro que a gente combinou que ele jamais ia ganhar brinquedos caríssimos, opção nossa, aqui a gente não compra nada caro ou que não precise, porque somos pobres e porque queremos que ele dê valor a coisas simples, no niver de 3 anos o presente dele foi 5 “rotiuil” que eu embalei individualmente e fiz um caminho pra ele achar, ficou feliz que nem pinto no aterro sanitário, segundo que eu já havia negado a ele, aí eu fiquei de má e vovô é “o cara” e terceiro que ser dado no Natal é o maior agravante, se a gente tenta passar o verdadeiro valor da data e o mais esperado for o presente, fica conflitante ne?

Mas o que eu queria mesmo falar  que o que nessa data me oprime é ter que enfeitar a casa.

Marido ultra me cobra, na casa dele não rolava nem ceia, jantavam assim, normal. Aí ele casa com a pessoa mais desanimada da face terrestre, maigodi, que azar!

Eu até tinha uns enfeitinhos dignos, aí nós falimos e ficamos “na chom” e fomos morar de favor num ap da minha mãe, e como a gente não tinha nem guarda roupa eu pedi pra ela guardar meus cacarecos natalinos. Quando melhoramos e tivemos “ascondição” nós mudamos de lá e esqueci de pedir de volta. No natal seguinte a casa dela tava que nem uma loja, os enfeites dela, mais os meus…e sabe como é, eu ainda não era uma pessoa que sabia dizer NÃO!

Desanimei, de lá pra cá nunca mais teve nada, ano passado o marido me cobrou, mas fala sério que eu grávida de 56 semanas e pesando 108 kilos ia me meter no xópis lotado pra comprar buginganga? Aí eu achei no depósito da casa alugada uma caixa com uns penduricalhos velhos e empoirados da antiga dona, e tasquei na árvore.

Céus, o homem bufou como se eu tivesse pendurado micropenis luminosos na árvore. Mas pelo menos eu tinha a desculpa que tava grávida.

Esse ano não tenho pronde correr gente. Mas eu tenho preguiça e acima de tudo PENA  de gastar meu escasso rendimento mensal numas coisas que eu vou usar por um mês e empacotar por outros onze (correndo o risco de minha mãe surrupiar). E fica marido e filho cobrando “Quero morar ali naquela casa, lá tem Natal” . E pra piorar já começaram as decore daqui do conds, manja que tem casa que um papai noel do tamanho do Enzo fica descendo do telhado, que outras rolam  cascatas de luzes? E aí alguém me diz “Ah, mas você é super criativa e leva jeito pra trabalhos manuais, tira de letra”

E isso me oprime ainda mais. Ai, não tô nem respirando direito.

Anúncios

22 comentários sobre “Opressão (a pressão) de Natal

  1. nice

    ah coitadinha de voce e de mim tambem, mais uma vez, gol! Pensamos exatamente igual.
    eu tambem detesto o que fizeram com o natal, eu não tolero, e o mais importante que é o nascimento de Cristo, ninguem lembra.
    quanto a decoração, eu até que gosto das luzes ( ou melhor, gosto de agradar meu filho, por que pra mim, observar a casa dos vizinhos já é o suficiente), porém esse ano ainda não tive pique de mexer na arvore, desenrolar os fios e aquelas coisas que vc já sabe.

  2. Ta, e cada ano toda essa parafernália (que eu até gosto), começa mais cedo, vocês notaram?
    Esse ano, antes mesmo do Halloween, em meados de outubro, já se via arvore de natal montadinhas e cintilantes em várias lojas por aqui! Realmente, tem que ter muito espírito para manter o pique até final de dezembro.

  3. Naiara

    Pelo visto não tem nenhuma saída que não dê uma dorzinho no coração, né. Então, faz assim, vai numa loja e compra um enfeite de porta, uma arvorezinha decorada (ou uma daquelas de montar e mais os enfeitinhos) e seilá mais o quê. Ou seja, gasta a grana, mas Avisa: Os enfeites estão aqui e custaram caros, vão ser usado só um mês, portanto, vão durar uma eternidade e vão ser os Mesmo por Anos!

    hehehe…

    Sério! Faz todo sentido, não?

    O bom de comprar árvores não decoradas, é que tu manda os natalinos de plantão decorar, eles adoram e você se safa! 😉

    Ou então coloca um pisca-pisca na janela e pronto; faz igual na casa da minha vó, ele fica lá o ano todo no mesmo lugar e eles só ligam no Natal. heheh. Ô, isso que é praticidade. heheh

  4. Thienny

    Minha mãe também não gosta de enfeitar a casa para o natal… só me lembro de termos feito ceia ano em 2006, rola o jantar normal mesmo =S
    Mas na minha casa eu queroooooooooooooooo =D
    Minha casa será a verdadeira ‘casa do papai noel’, assim que eu me casar ou resolver chutar o pau (hoho) da barraca e cuvar daqui!!

  5. Natal aqui em casa sempre foi “a espera do presente bom” e a desculpa para “reunir a família” ..não me sinto culpada quanto a isso não…, mas só o Pablo ganha presentão…
    mas fico enjoada quando chega dezembro, naõ aguento mais olhar pro Papai Noel… a casa da entrada do condomínio está decorada, o Pablo viu e falou: “mamãe, vamos infeistar nosta casa?”, pois é, agora temos que ficar mais de mês com a árvore de Natal montada…kkk

  6. Oi lindas! e Sr. I..

    Tbm tenho preguicá de enfeitar a casinha..
    Mas você me inspirou com esse post! Tava de bobs no trabalho, e fui rabiscando uma imagem especial Natal com o nome do site “Mulheres Impossíveis e Sr. I.”.. rssrsrsr
    Pronde mando por email?

    Bjokas!

  7. Nanci

    Disposicao pra garimpar a 25 de marco eu tenho, escolher um pinheiro lindo no ceagesp eu tb tenho.TENHO INCLUSIVE UM MARIDO SUPER MAO DE VACA!!!!!!!
    BJS

  8. Não se apoquente, minha cara!!!

    Eu mesma, que sou enteada de uma dona de loja de decoração não coloquei nem guirlanda na porta!!! hhhhh

    E não estou nem aí, caríssima, eu não enfeito, nem compro.

    Mas, também tem outro fator, eu só tenho dois cachorros pra dar água, e eles não sabem nem que dia é hoje, qt mais do Natal!!!

    Com criança é diferente, apesar de minha mãe não ter sido do tipo que se preocupava muito em enfeitar a casa não…

    beijos mill

  9. hUM… a IDÉIA DO PRESÉPIO É ÓTIMA. Você pode contar histórinha, falar do nascimento do papai do céu com fantoches…
    Se quiser, dou um pulo no Saara e vejo uns trequinhos baratinhus pro cêe pros meninu.
    Te mando de presente de NAtal.
    Bjus

  10. Helga

    Ai, Lu, eu não posso ler seus posts nem aqui, nem lá no Lu Brasil, pq eu me mato de rir, chego a chorar.
    E eu estou no trabalho, né?
    Mas eu não aguento, passo umas cinco vezes em cada blog pra ver se tem novidades.
    beijão,

  11. Lenita

    Ah, faz uns enfeites, vá… Criança não entende nada de “festa comercial” e gosta tanto de ver a casa toda emperequetada… Se quiser te passo umas idéias baratinhas (que eu também não tô com essa bola toda esse ano, não) Bjs

  12. Já fui mais fã de Natal, porém agora como filha de pais separados comecei achar muito chato e não vejo a hora que passe.
    Tenho uma arvorezinha que comprei enfeitada (como disseram aí em cima) da lojinha de 1,99 e uso sempre a mesmaaaa. Esse ano pretendo só modificar a guirlanda da porta que tá véia. O resto tudo igual.
    Eu lembro das mega árvores NATURAIS(pinheiros mesmo) que minha vó e minha mãe faziam quando éramos pequenos, era muito lindo e morro de saudades daquela época mágica.
    Lu, faz uma forcinha pelas crias, eles vão adorar e vão lembrar pro resto da vida.
    Beijo

  13. Sr. Insônia

    Lu,
    preciso te emprestar o filme “Um Natal Brilhante”:
    “Dois vizinhos entram em conflito quando um deles decide decorar sua casa para o Natal com tantas luzes, que ela pode ser vista do espaço.”
    Garanto que a casa com o Papai Noel tamanho família vai sofrer represálias ! 😉

  14. Débora

    Oiii Lú
    pela primeira vez no seu blog
    Engraçadoo, lendo teu blog e adivinha oq mnha mãe faz agora? montando a arvoré de natal! hahaha
    conselhoo… deixa de preguiça mulherr
    (td bem natal jah ficou chatooo) mas, i as crias?
    Uma guirlandinha na porta n faz mal a ninguem vaaaiiii
    compra um pinheiirinhu i pega uns enfeites lah n asua mãe…
    i prontoo!
    Felizz natall pra vc i pra sua familiia
    Coragemm…rsrs

  15. Também mooooorro de pena de gastar com enfeites natalinos (apesar de adorar essa época), mas minha sorte é que mamis troca toda a decoração dela de poucos em poucos anos. E EU fico com os restos, que continuam lindos, obrigado, e sem gastar um cent! Tem coisa melhor?!?
    E que ela não me ouça, mas achei que minha casa ficou mais bonita que a dele hihihihih

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s