Ocupadas

 

Nossa que blog morimbundo, sorumbático…

Ai leitores desocupados, é que nos fins de semana eu e Janescreide Silver temos moooitas coisas dignas, pheenas e adultas a realizar.

Eu tenho que ir a óperas, clubes exclusivos e milionários de golfe e botcha além de limpar quilos de merda em mini-bumbuns fedidos . Janes precisa visitar galerias de arte contemporânea, comprar antiguidades da época renascentista e fazer litros de feijão para o mês a semana toda.

Fala que não é pesado? Mas tamos na área, lindas, loiras e siliconadas, e se derrubar é “penauti”

 

A mulher que eu amo
Não tem tempo para mim
Passa o dia trabalhando
Não sei qual vai ser o meu fim

Eu ligo e deixo recado
Ela está sempre no seu atelier
Em casa coçando o saco
Sem mais nada para fazer

Ela é muito ocupada
Vive sempre atarefada
Ela é muito ocupada
É uma mulher ocupada (x2)

Ela é esperta e competente
Eu não resisto ao seu calor
É tão bonita e inteligente
Que entrego todo o meu amor

Quando eu a tenho em meus braços
Esqueço todos os meus problemas
Espero que daqui para frente
Invente mil novos poemas

Ela é muito ocupada
Vive sempre atarefada
Ela é muito ocupada
É uma mulher ocupada (x2)

Talharim a lá Lucia (x8)
                         (Mulher Ocupada – Ligante Anfetamínico)
Anúncios

4 comentários sobre “Ocupadas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s