O Natal e suas emboscadas

O Natal é uma ótima época do ano para cairmos em emboscadas dos mais variados tipos, já que temos obrigação de ser bons, ajudar ao próximo, dar presentes sem querer nada em troca, cumprimentar nego que a gente queria ver, no mínimo, há duzentos quilômetros de distância.

Pra mim, que começo a ficar deprimida ao primeiro sinal de Papai Noel passando, as coisas negativas do Natal parecem bem maiores que as positivas.

De toda forma, antes que alguém me venha com o Sermão da Montanha, tenho sido uma menina comportada e controlada, até  porque ontem o João me jogou na cara que Papai Noel não me dará nada porque eu não gosto do Natal. Então, sigo bem alegre e feliz, sempre respeitando o aviso que diz: ho ho ho é Natal !!!

Aí que já gastei todas as moedinhas do meu cofrinho, comprei presente pra quase todo mundo, fiz sacolinha de natal e pretendo fazer alguma receita vagal, tipo merengue, pra colaborar com a ceia da Noite Feliz.

A sacolinha foi “linha” mesmo, apenas uma e reduzida. Acontece que na escola do João eles pedem uma roupa, um calçado, um brinquedo e uns doces. A primeira vez que participei, o João estava no míni maternal, e eu achei que teria que ajudar crianças da idade dele. Bobinha que era, peguei 3 sacolinhas. Ao ver o que deveria comprar, soube que minhas crianças eram bem maiores, tipo de uns 5 anos, ou seja, usavam roupa nº 8, sapato tamanho 30 e por aí vai. Por conta disso, agora pego apenas uma sacolinha para fazer, de modo que eu consiga atender às exigências sem ir parar no SERASA.

Eu sei que nessa época meus posts soam mal humorados, mas eu me sinto completamente oprimida pela obrigação de ter que gostar de algo que eu realmente não gosto.

E o pior é que eu não gosto de não gostar. Eu daria tudo – tá bom vai, nem tudo – pra ser aquele tipo animado, alegre, saltitante e que acredita em milagres de Natal. Juro.

Anúncios

24 comentários sobre “O Natal e suas emboscadas

  1. seja bem vindo ao clube das nao amantes do natal. Mas juro que se papai noel deixar na minha cama um super mega ultra presente e eu tiver certeza que nada saiu do meu bolso eu mudo de ideia…papai noel existe? #acredito

  2. Suelem

    Ai eu amo esse clima de natal, apesar de que esse ano esta bem michuruco, amo ver as casas enfeitadas, as pessoas andando nas ruas como loucas atrás de presentes, acho tudo meio magico. Mas procura algo que vc gosta e tenta ligar ao natal, por exemplo se vc consegue viajar essa época pode comemorar a viajem, ou se vc é panetômaniaca como eu pode comemorar a chegada deles! #ficadica

  3. Este ano vou fotografar um casamento em plena noitefeliz! Êeeeeee!!! Me livrei da ceia, do amigo oculto e ainda vou ganhar um dindin, cobrando 20% a mais, porque é noite de natal.
    (Deu pra perceber o quanto eu sou feliz nessa época???)

  4. Luciana Klepa

    Jane,
    Não sou tão radical, mas com o passar dos anos, tem piorado meu humor nessa época. E não é só com o Natal, fico assim tbem na Páscoa e no meu aniversário. E tudo por causa das obrigações socias e dessa felicidade falsa que temos que passar.
    Natal: jantar c comidas típicas q eu não gosto e nem sempre com pessoas íntimas.
    Páscoa: só serve pra engordar!
    Meu aniversário: tenho q parecer mega-ultra-power feliz, mas as contas continuam vencendo, ainda tenho que trabalhar, etc. E no outro dia? Nada mudou e ainda tenho q memorizar minha nova idade sempre que alguém perguntar!
    Pra mim essas datas eram realmente felizes qdo eu era criança, tinha magia, supresas e principalmente minha avó materna me alegrando.
    Agora, só novas rugas e faturas do cartão de crédito!

  5. Milene

    Jane,

    Odeeeeio Natal! Odeio principalmente a idéia distorcida que o mundo capitalista tem dele!

    É um absurdo você ser obrigada a dar presentes para vááárias pessoas um mês antes de ter que pagar IPTU, IPVA, matrículas, anuidade de conselho profissional… e por ai vai…

    Pior ainda é ter que frequentar festas de fim de ano de empresa, amigo oculto…

    Ai, ai… Que venha logo o reveillon!

  6. Você tem minha total compreensão. Também não gosto de Natal. E da obrigação de fazer o que não quero e comprar o que não quero eu não gosto em época nenhuma… 🙂

  7. Jane, eu adoro o clima de montar árvores, arrumar a casa com enfeitinhos, mas o Natal pra mim tem gosto de tristeza… Tipo aquelas “retrospectivas” que a gente faz e percebe que não fez nada no ano que está terminando? Eu fico mais melancólica e começo a ter crise de identidade (oi?!)….

    Bju e não se recrimine por não gostar da data. Mesmo assim Papai Noel será bonzinho contigo e vc ganhará uma bolinha de tênis!! Kkkkkkkkkk!!!

  8. Você não está só, irmã. Eu odeio a obrigação do presente, da “lembrancinha”, da ceia e de todas as refeições seguintes que contêm restos de comida e de supostas alegria e união, ando me irritando até com o pessoal pagando de vizinhança de Wisteria Lane: muito debate sobre luzinhas, guirlandas e quetais.
    Amei montar a árvore porque o Alê ficou maravilhado, ele achou gracinha o presepinho-caixinha de música (“pesepinho da Bisa”, foi minha vó que nos deu de “herança”), ele gosta de ver a casa do Papai Noel. Mas nhé. Eu num curto e dormiria nos dias 24 e 25 numa boa, ou ouviria música e leria e veria DVD (se Digníssimo Consorte ler isso vai reclamar e me chamar de chata e tal). Eu sou o Grinch.

  9. Sinceramente acho que o espirito de natal de verdade, morreu a muito tempo! Não só para mim, mais para todos de um modo geral!
    Natal é familia e juntar familia hoje vichiiiii que sufoco!
    Até os preparativos de arvore e comidas, deveriam ser feitos todos entre familia. “Esse é o sentido” mais não é o que acontece de verdade.
    Acho um pouco ironico, esse negócio de coração mole no natal, engraçado porque as pessoas são assim “só quando chega essa epoca” será que acham que Deus vai ver só agora?
    Só gostava de verdade de natal quando era criança e a familia juntava todos os tios e primos para curtir junto.
    Agora não temos mais isso e o “compromisso de presente” é um saco. To fora!

  10. Eu sempre gostei dessa época, mas de um tempo pra cá não me agrada tanto mais.
    Gostava de ver os enfeites, as casas, aquele clima… mas nem tô mais assim. Até minha mãe me perguntou ontem se não ia montar a árvore pq sempre sou eu que faço, rss… acho que é época, a gente fica mais empolgada em certos estágios da vida.
    Mas não tô mto no clima, ainda mais dps do recente rompimento amoroso… eu poderia dormir direto do dia 24 e acordar dia 3 sem problemas, hehe…

    Bjos Jane.

  11. Eu costumava de animar muito com o Natal, enfeitava a casa toda (e olha que nem tenho filho ainda, somos só eu e marido, dois marmanjos), fazia questão de pensar em algo legal para levar para a ceia, ficava super feliz.
    Hj as coisas são bem diferentes e tudo oq eu desejo fortemente como milagre de Natal é dormir no dia 23 e quando acordar já ser dia 26, mas como milagre de Natal não existe, lá vamos nós para a OBRIGAÇÃO das festinhas… haja saco!

  12. Caraca!!! Ontem mesmo eu tava falando isso com o Marido, que eu acho um saco essa coisa de ter que dar presente para fulano e ai tem o o filho do fulano e tem a tia do fulano…
    Natal é só presente e comilança já percebeu??

  13. Oi, Jane!
    Acho que enquanto vivermos nesse mundo tenebroso quem não curte natal vai ser um Ete. E se vc quer passar os feriados com a família, piora, pq daí tem q entrar no ritmo e no clima, com os presentes e sobremesas, como vc relatou. Mas dá pra ir pra China, lá não tem natal! hohoho
    Bjoo

  14. Mah

    Leio há muito tempo seu blog, e nunca comentei, mas dessa vez não resisti… EU ODEIO NATAL… na verdade, odeio o mês de dezembro inteiro… por mim de novembro pularia direto prá metade de janeiro…

    E pior, me sinto mal e culpada por odiar o natal, as festas, as confraternizações, os amigos secretos…. ou seja, acabo odiando em dobro.

    Não enfeito minha casa, tento não ir no shopping, não suporto escutar musiquinhas de natal…

    Acho que um grinch se apoderou do meu corpo e não quer devolver nunca mais!!!

  15. elisangela

    Não sei se algum dia, ou em algum natal eu tenha gostado, eu sei que hoje não gosto. E pior o povo sempre que fazer a tal ceia na minha casa. Deve ser implicancia…rsrsrs

  16. Ana Paula

    Olá Jane. Tem um tempão que sigo seu blog e adoro muito, mas muito mesmo e nunca comentei. Mas hoje você falou tudo o que eu tenho vontade, mas nunca tive coragem de dizer. Eu também ODEIO Natal, principalmente pelos Feliz Natal que temos que desejar a quem em durante um ano nunca olhou pra gente nem pra falar Oi. Bjs…

  17. brother, vc é parente da minha mãe???????
    ela ODEIA Natal.. esse ano queria ir pra gramado longe de tudo e de todos.. mas eu dei um piti e não deixei.. huahauhauhauh
    sonho de consumo de momiz sempre foi se internar em uma clínica do sono no dia 01 de dezembro e sair só dia 01 de janeiro!!! ela odeia o clima natalino e odeia essa coisa toda de presentes!!!!
    ao menos eu sobrevivi!! huahuahauhauhauah
    kisses

  18. Angela

    Bom, eu não odeeeeio tanto assim, mas fico chateada por todos os anos a festa ser na minha casa, com parentes que não estão nem preocupados se vc precisa de ajuda ou não. Mas gosto do clima, e dos olhinhos das crianças ao receberem os presentes.. E tb só presenteio as crianças e a minha filha. Para os outros, tem aniversário e etc.

  19. Jú Lazaro

    Nossa gentem to assustada!
    To me sentindo excluida pq gosto muito de natal!rsrs
    Não sei, pra mim ainda tem aquele gostinho de infância. Adoro as casas enfeitadas, a cidade enfeitada…só não gosto do consumismo fora do normal e para isso sempre fui da linha “só dou presente pra quem gosto” e assim sempre fui feliz e saltitante! ahahaahhhh

    Bjocas!!!

  20. Thais

    Afff, tenho ódio de Natal, alias odeio final de ano, ainda mais que coincide com o meu inferno astral, ai tudo já tá errado msm.

    Fim de ano p mim é o ó, poderia ir direto de 30 de Novembro pra metade de Janeiro.

  21. Jane Carvalho

    Esse ano me superei. Montei uma arvorezinha de Natal lá na sala.. 🙂
    Mas me solidarizo no quesito presentes.
    E confraternizações, amigo oculto…. festinhas onde todo mundo se descobre, de repente, não mais que de repente, muito seu amigo.

  22. Eu acho que Natal vai muito além de presentes por isso se isso te irrita, tem mesmo é que passar longe. O negócio é ficar bem, fazendo o que te faz bem! Expliquei ou compliquei/!!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s