Reflexão acerca de bolsas

Por causa da mudança, conforme esperado e inclusive compreendido até pelos mais organizados, ainda tenho muita coisa fora do lugar.

Uma parte da casa está em caixas e não foi colocada no lugar porque o lugar ainda não existe. Por exemplo, não temos móvel para a sala e, portanto, os CDs e DVDs (e fitas de vídeo, morro?) estão em caixas mil.

Também estão numa caixa as minhas bolsas. Todas empilhadas, tipo umas panquecas. Quando eu olho pra elas, fico com uma pequena pontinha de pena, e por outro lado penso: por que não tenho apenas UMA bolsa?  A bolsa da minha vida?

Eu sempre achei meio demais pra minha cabeça essas bolsas de grife, caronas e tals, mas tenho que admitir que troco de bolsa de vez em nunca e a cada troca fico mais uns tempão sem trocar. Pra sair uso umas bolsas pequenas, de mão, então nem nesse caso a regra muda.

Meus sapatos já ganharam lugar de destaque no armário e o marceneiro não me aguenta mais de tanto que penso na arrumação deles. Ontem mesmo rumei para a Rua do Gasômetro (tradicional local de venda de madeira e acessórios para armários em SP) em busca de organizadores revolucionários. Se der certo mostro tudo aqui!

Já as bolsas…. pobrezinhas. Estão lá, panquecas!

Ainda não cheguei no nível A +++ de desapego, onde eu deveria abrir a caixa, pegar as panquecas e distribuir entre as mais chegadas num troca troca (de bolsas, calma). Mas também não faço idéia de onde elas morarão, diferente de todos os meus outros acessórios que, pelo menos no meu sonho, já têm lindas casinhas.

Isso mostra bem onde as bolsas moram em meu coração e de agora pra frente não compro mais bolsa.

Só por hoje.

Anúncios

10 comentários sobre “Reflexão acerca de bolsas

  1. um dia eu crio coragem e faço a contagem das minhas bolsas. desconfio – ou sei com certeza – que passam de trinta 😦
    nessa viagem comprei mais uma, que acho que vai ser a bolsa da minha vida 🙂
    e sou como você: encasqueto com uma e uso só aquela, por um tempão, por pura preguiça de trocar.

    bj

  2. GANEEEE!
    eu adoro bolsas mas tb compro uma que amo e vivo com ela por um tempão!
    tenho a MAIOR preguiça de mudar de bolsa a cada ocasião e só mudo mesmo quando não tem jeito….
    to praticando o desapego em varios armarios da minha casa tb e doando tudo! pra que acumular ne?
    alias, vc ja viu o programa OS ACUMULADORES???? MEDO MASTER!

    beijo enorme
    Lele

  3. Clarice

    Jane

    Nossa aqui eu também não sei o que fazer com elas já mudei de lugar várias vezes, já tentei pendurar, sei que o blog nao é de decor mais umas dicas de como guardar as bolsas viria em boa hora. obrigada bjs

  4. Olá Jane! Eu tinha esse negócio de ter várias bolsas e andar sempre com a mesma… aff, é um saco! Acabei doando muitas e fiquei só com 2! Sorte minha é que sou desapegada! hehehe

    Ah, resolvi aderir a essa vida de blogueira… já falei no Mulheres em 2 posts! Me inspirei nesse blog mais do que (Im) Possível, fazer o que??? Como meu bloguinho ainda é um bebezinho prematuro, vai lá, dá uma espiadinha… http://pheenas.blogspot.com/

  5. Tenho tanta bolsa também, o marido me questiona sempre do por que de tanta bolsa se eu quase nunca troco. E posso confessar? Nao troco por pura PREGUIÇA!
    Mas que é difícil resistir quando a gente vê uma lá na vitrine, isso é! Só que, aparentemente, essa justificativa não convence o homem 😉

  6. Ester

    Oi Jane, adoro seus textos, me divirto muito! Não tenho muita dificuldade de doar minhas coisas, tipo roupa, calçados, mas as bolsas acho mais difícil tbém. Na escola que eu trabalho fazemos bazar da pechincha e no final do ano passado resolvi doar quatro bolsas minhas, inclusive a única que tive de grife, sabe o que aconteceu, nenhama foi vendida, ninguém se interessou em comprá-las por 5 reais! No final do bazer foram doadas com tudo o que sobrou, e eu fiquei rindo de mim mesma, achando que minhas bolsas iriam arrasar no bazar!

  7. Miss Halliday

    Janocaaaa, tenho uma solução para suas bolsas “panquecas”, mande-as todas pra Maceió, que eu cuido lindamente delas. Sou simplesmente tarada por bolsas!! Troco de bolsas quase que todos os dias… ¬¬
    E sou daquelas compradoras que não se importa com marcas pq o importante não é a durabilidade e sim a quantidade no meu caso…

    Mando o endereço por e-mail? Ops, vc já tem qdo ganhei aquele sorteio.. Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk!!!!

    Bjuuu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s